Qual o Melhor Crédito Consolidado em Portugal?

Nos últimos anos consolidar créditos tem “salvo” a vida de muitos portugueses, pois tem permitido uma redução drástica dos encargos financeiros mensais.

Tendo isso em conta, decidimos comparar as diferentes ofertas que existem no mercado por forma a descobrir qual o melhor crédito consolidado no mercado em 2022 – tendo por base as suas necessidades, prazos de pagamento, montantes em dívida e muito mais.

Fique connosco!

Valor:
Prazo:
Show more results

Como Funciona Um Crédito Consolidado?

Consolidar crédito pode ser uma solução para quem possui vários créditos, mesmo com diferentes credores, taxas de juros, prazos e distintas datas de pagamento no decorrer do mês.

Exemplo de Como Funciona Um Crédito Consolidado

Ou seja, na prática, um crédito consolidado é a junção de todas as dívidas de crédito existentes num só contrato com uma prestação mensal fixa.

Mas como é que consigo poupar?

Ao juntar os créditos irá definir um prazo de pagamento máximo até 120 meses, o que lhe irá permitir baixar os seus encargos e aumentar a sua liquidez mensal até 60%!

Assim, se pretender, poderá juntar, por exemplo, o seu crédito habitação, automóvel e o crédito pessoal, num só contrato.

Vantagens de Consolidar Créditos

  •  Poupança Mensal
  •  Menos Burocracia
  •  Prestação Única Mensal
  •  Possível Diminuição das Taxas de Juro
  •  Acesso a Mais Financiamento
  •  Prazos Até 120 Meses

Sim, se quiser consolidar créditos, mas necessitar também de liquidez urgente, então fique a saber que grande parte das entidades permitem acesso a mais financiamento — alocando o valor extra ao contrato.

Ou seja, um casal que tenha uma dívida de 9.000 € distribuída por vários créditos, poderá solicitar um crédito consolidado dos 9.000 € + 1.000 € de liquidez para usufruir como bem entender.

Desvantagens de Consolidar Créditos

  • ❌ Aumento do tempo de pagamento
  • ❌  Aumento do total a pagar (MTIC)
  • ❌  Aprovação limitada

A grande desvantagens de um crédito consolidado é o facto de, para conseguir diminuir a sua prestação mensal e consequentemente a sua taxa de esforço mensal, irá ter de aumentar o prazo de pagamento dos seus créditos.

Isto significa que o seu crédito ficará a longo prazo mais caro por ter de pagar durante mais tempo.

Que Tipo de Créditos Podem ser Consolidados?

  • Créditos pessoais;
  • Créditos automóveis;
  • Créditos hipotecários;
  • Cartões de crédito;
  • Linhas de crédito;

Requisitos a Cumprir para ter Acesso a um Crédito Consolidado?

  • A idade máxima é de 75 anos.
  • Sem incumprimentos ou incidentes no Mapa de Responsabilidades de Crédito.
  • Conta bancária em nome do próprio;
  • Cidadão português ou estrangeiro com Título de Residência Permanente;
  • Domicílio fiscal em Portugal;

Sabendo agora se está legível, vamos saber qual o melhor banco para consolidar créditos!

Melhores Entidades Para Consolidar Créditos

Para quem pretender seguir com esta solução, é importante escolher bancos e entidades privadas de crédito autorizados pelo Banco de Portugal a disponibilizar o crédito consolidado.  Consulte a lista.

Porém, com tantas variáveis como o montante em dívida, perfil de risco de cada cliente, tipos de crédito a consolidar e os prazos de pagamento, é nos impossível afirmar que uma entidade será sempre melhor que outra no que toca a consolidação de créditos.

O que podemos fazer é indicar as condições que algumas destas entidades apresentam e alguns exemplos de como analisar o melhor crédito consolidado para as suas finanças.

EntidadePrazosMontante
Cetelem 12 – 84 Meses2.500 € – 75.000 €
Cofidis24 a 84 Meses5.000 € – 50.000 €
Unibanco24 a 84 Meses5.000 € – 75.000 €
Banco CTT12 – 84 Meses2.500 € – 75.000 €
Younited Credit24 a 84 Meses1.000 € – 50.000 €

Vamos a exemplos práticos?

Imaginem que o João e a Inês estão a pagar um crédito automóvel e um crédito pessoal. Porém, com a renda da sua casa alugada, estão com alguma dificuldade em pagar os seus créditos devido ao encargo mensal ser demasiado alto.

  • Montante em Dívida: 10.000€
  • Valor Pago Atualmente: 450 €

Será que juntar créditos poderá ajudar?

Melhor Crédito Consolidado a 48 Meses

EntidadeNova Mensalidade Poupança MensalMTIC
Cetelem256,03 €193,97 €12.465,44 €
Cofidis257,06 €192,94 €12.514,88 €
Unibanco258,31 €191,69 €12.575,46 €

Caso o casal pretenda um crédito consolidado a 48 meses, então a melhor opção neste exemplo será a Cetelem, pois o MTIC (Montante Total Imputado ao Consumidor) é o mais baixo comparativamente com as restantes.

  • ✅ Poupança Anual: 2.327,64 €
  • ⚠️ Total a Pagar: 12,465,44 €
  • ❗️ Custo Total: 2.465,44 €

Nem sempre a prestação mensal mais baixa apresenta o MTIC mais baixo!

Ao juntar créditos, terá custos iniciais adicionais relacionados com a cessão dos contratos antigos e com a celebração do novo. que estarão incluídos no seu MTIC, mas poderão não estar incluídos na sua prestação mensal.

Melhor Crédito Consolidado a 84 Meses

EntidadeNova Mensalidade Poupança MensalMTIC
Cetelem174,66 €275,34 €14.847,44 €
Cofidis172,45 €277,55 €14.661,80 €
Unibanco173,27 €276,73 €14.730,84 €

Caso o João e a Inês pretendão baixar ainda mais a mensalidade poderão pedir, por exemplo, um crédito consolidado a 84 meses. Neste caso, a melhor proposta pertence à Cofidis com um MTIC de 14.661,80 €.

  • ✅ Poupança Anual: 3.330,60 €
  • ⚠️ Total a Pagar: 14,661,80 €
  • ❗️ Custo Total: 4.661,80 €

Porém, é preciso ter em atenção que, apesar de um crédito consolidado a 84 meses permitir um encargo mensal mais baixo para o casal, o custo da consolidação dos seus créditos acaba por sair muito mais caro que num com um prazo de pagamento mais baixo.

Ou seja, neste caso o casal teria de pagar mais 4.662,80 € ao longo dos 84 meses para saldar todas as suas dívidas de uma forma mais saudável mensalmente.

Encontre o seu ponto do equilíbrio!

Como Encontrar o Melhor Crédito Consolidado?

Melhor Crédito consolidado - Exemplo de como funciona

Infelizmente, não lhe podemos dizer exatamente qual ou quais as melhores entidades para consolidar crédito, pois as propostas variam conforme:

  • Prazos de pagamento;
  • Montante total;
  • Créditos a serem consolidados;
  • Características da pessoa.

Apesar destas variáveis, o foco da sua análise terá de ser no montante total, o MTIC, que nos diz o valor total que uma pessoa terá de despender para obter o crédito, onde já inclui a TAEG (Taxa Anual Efetiva Global) e todos os outros encargos possíveis.

Para além do foco no MTIC, aconselhamos a que, opte por um crédito consolidado com garantias ou fiadores. Isto porque, estando a dar garantias às entidades, está na prática a diminuir o risco de incumprimento perante estas, fazendo assim com que as taxas de juro a pagar sejam menores.

Por fim, caso, tenha alguma pressa, ou não queira “perder” tempo numa pesquisa mais aprofundada em diversas entidades, poderá sempre pedir uma simulação de um crédito consolidado uma intermediária de crédito.

Consiga o Melhor Crédito!
Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromissos
RECOMENDADO
Simular Já

Conclusão

Apesar do crédito consolidado ser uma boa forma de aumentar a almofada financeira das famílias, permitindo que tenham menos encargos mensais a pagar, a verdade é que também existem alguns pontos negativos que são importantes realçar.

Falamos do custo total.

Quanto maior o prazo de pagamento, mais juros de terá de pagar, logo mais caro lhe irá sair o crédito!

Para além disso, ao realizar um crédito consolidado estará na prática a terminar diversos contratos para criar um novo, o que poderá significar ter de pagar algumas comissões extra.

Contudo:

Se está com dificuldades em suportar tantos encargos, um crédito consolidado será sempre uma ótima forma de aliviar essa pressão e evitar que entre em sobre-endividamento e em incumprimento junto aos credores!

Para terminar recorde-se sempre que, o melhor banco para consolidar créditos para uma pessoa pode não ser o indicado para outra, então deve analisar cada um de modo a verificar qual traz mais vantagens para a sua situação em concreto.

Leia também: