Crédito Imediato com Problemas Bancários: Como Conseguir?

Artigo sobre crédito imediato com problemas bancários

Com cada vez mais pedidos de crédito e com valores alocados maiores, é de uma forma natural que vemos mais pessoas a entrarem em situações de incumprimento.

Mas será que mesmo assim é possível obter um crédito imediato com problemas bancários?

Ao longo deste artigo vamos mostrar se é possível obter um crédito imediato com problemas bancários, como identificar se tem problemas com a banca e as melhores alternativas para conseguir obter a liquidez que tanto necessita!

Consiga o Melhor Crédito!
Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromissos
RECOMENDADO
Simular Já

É Possível Fazer Um Crédito Imediato Com Problemas Bancários?

Se está com dificuldades financeiras, mas não tem prestações em atraso com a banca, então, poderá solicitar um crédito a uma entidade financeira.

Contudo, se está em incumprimento com alguma credora, então obter financiamento de uma entidade financeira será praticamente impossível.

Nenhuma entidade financeira de crédito autorizada pelo Banco de Portugal financia empréstimos a clientes com problemas bancários.

Contudo, existe uma exceção!

Atualmente, o Banco BNI Europa poderá disponibilizar crédito na eventualidade do cliente optar por um crédito hipotecário, desde que:

  • Incumprimento registado no CRC não seja superior 750 €;
  • Data de incumprimento menor que 3 meses.

Mas porque que as entidades não financiam clientes com problemas bancários?

As entidades financeiras, financiam com base no perfil de risco. Logo, se um possível cliente tem um risco de incumprimento demasiado elevado, irá fazer com que eles não queiram disponibilizar esse empréstimo.

Ou seja, no fundo, existem dois motivos principais para uma entidade financeira reprovar o seu crédito:

  • Estar na lista negra do Banco de Portugal;
  • Taxa de esforço mensal demasiado elevada (valores acima de 35% dependendo das entidades).

👉🏼 Calcular a taxa de esforço aqui!

Por outro lado, com a existência de cada vez mais pedidos de créditos diários pelos portugueses, e com montantes alocados maiores, o Banco de Portugal tem apresentado diversas regras para evitar incumprimentos tais como:

  • Limite máximo de 84 meses para grande parte dos créditos pessoais;
  • Limite de taxas de juro máximas (atualizadas regularmente).

Posto isto, se estiver em incumprimento por ter pequenos valores ainda em dívida, procure de alguma forma saldar os mesmos. Irá conseguir tirar o seu nome da lista negra e abrir portas para ver o seu pedido de crédito aceite.

Ora, se essa opção não for viável para si, existem outras alternativas para conseguir um crédito imediato com problemas bancários.

Como os Bancos Sabem Que Tenho Dívidas?

Para haver uma aprovação de crédito, os bancos e as entidades privadas de crédito fazem uma análise de risco do cliente para verificar o comportamento financeiro do consumidor.

Por exemplo, se contrai uma dívida e atrasa um pagamento, a seguir a instituição financeira credora reporta ao Banco de Portugal, disponibilizando essa informação na Central de Responsabilidades de Crédito (CRC) na condição de incumpridor, designada de lista negra do Banco de Portugal.

Entrar na lista negra não apresenta grande risco se for algo temporário.

O importante é que o mesmo não seja duradouro e consiga regularizar rapidamente a sua situação financeira — para que o seu nome possa sair da lista.

Já o Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal é o documento que reúne todos os seus créditos e que se encontra disponível no CRC.

É este documento que as entidades irão solicitar para fazer a análise de risco do pedido de empréstimo solicitado — não estará identificado o local onde foi concedido o crédito nem a entidade que o concedeu.

Como Posso Obter o Meu Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal?

Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal

Além das instituições financeiras, também os particulares podem consultar o seu próprio Mapa de Responsabilidades de Crédito.

Para isso basta:

  1.  Aceder à página da Central de Responsabilidades de Crédito do Banco de Portugal;
  2.  Ler e aceitar as condições;
  3.  Escolher uma data (mês e ano) para consulta dos seus créditos;
  4.  Autenticar-se com o seu cartão de cidadão ou com os seus dados do Portal das Finanças.

Se for fiador de alguém, essa informação também poderá ser verificada. O Banco de Portugal centraliza as responsabilidades de crédito mensais comunicadas pelas diversas entidades participantes, que podem ser consultadas na lista de entidades participantes da CRC.

3 Alternativas a um Empréstimo Com Problemas Bancários

Se está à procura de um empréstimo pessoal com problemas bancários saiba que existem sempre alternativas para o conseguir:

1. Renegociação de Dívida

Visto que é quase garantido ter o seu pedido de crédito reprovado pelas entidades, poderá sempre tentar renegociar as suas dívidas para aliviar a sua pressão financeira.

Como?

  • Entre em contacto com os credores e tentar renegociar a sua dívida;
  • Entre em contacto com empresas de renegociação de dívidas.

Com isto, poderá conseguir renegociar melhores condições do empréstimo, um plano de reembolso diferente, assim como outros prazos de pagamento mais simpáticos.

2. Empréstimo Entre Particulares

Por norma é efetuado através de um familiar, amigo ou particular que utiliza o crédito como atividade comercial. Decorre normalmente aquando da impossibilidade de obter um crédito diretamente às entidades financeiras.

Ou seja, muitas pessoas acabam por seguir este método por ser aquele que permite aumentar as probabilidades de ter um crédito aprovado, mesmo com o seu nome na lista negra.

Contudo, há um problema:

Existem muitos esquemas e fraudes à volta desta alternativa, pelo que um empréstimo deste género é bastante arriscado.

Por isso, aconselhamos a leitura do nosso artigo sobre Empréstimos Entre Particulares para saber como se salvaguardar e conseguir a liquidez que tanto necessita sem ser enganado!

3. Crédito Consolidado

Um crédito consolidado tem como finalidade juntar os seus créditos ativos num só pagamento mensal mais baixo, mas mais alargado no tempo.

Desta forma, irá conseguir reduzir substancialmente os seus encargos mensais (reduções até 60%) e não entrar em incumprimento.

Por isso, se teme entrar em incumprimento devido aos seus encargos mensais elevados com créditos, esta é a solução ideal.

Desta forma para além de poder ter um reequilibro orçamental mensal suficiente para conseguir alguma poupança, não ficará com o seu nome na lista negra do Banco de Portugal.

Vantagens de um crédito consolidado:

  • Desafogar a situação financeira e evitar o sobre-endividamento;
  • Evitar a situação de incumprimento junto ao CRC;
  • Reduzir as suas prestações mensais até 60%;
  • Aumento do nível de poupança das famílias, o reequilíbrio do orçamento e uma melhor gestão das dívidas — maior flexibilidade financeira.

Caso esteja interessado em saber mais sobre esta tipologia de empréstimo, leia o nosso artigo sobre Juntar Créditos e saiba onde e como obter as melhores propostas!

Podemos referir que existem diversos bancos e entidades privadas de crédito autorizados pelo Banco de Portugal a disponibilizar o Crédito Consolidado, entre as quais: BPI, Caixa Geral de Depósitos, Cofidis, Cetelem, Credibom, Millennium bcp, Santander Totta, Unibanco, entre muitos outros.

Para além destes, existem também intermediárias de crédito que, sem custos alocados a si, procuram os melhores créditos possíveis face às suas necessidades e características.

Como Evitar Um Empréstimo Com Problemas Bancários?

Existem diversas formas de controlar as suas finanças pessoais para que não fique em risco de incumprimento e tenha de procurar um empréstimo pessoal com problemas bancários.

Ora, a principal forma é controlar a sua taxa de esforço.

Ou seja, saber a quantidade de encargos financeiros mensais sobre o rendimento líquido do seu agregado familiar é fundamental.

👉🏼 Calcular a taxa de esforço aqui!

Se tiver uma taxa de esforço inferior a 35% então tem as suas finanças pessoais saudáveis. Assim, caso necessite de pedir algum crédito, quase garantidamente que terá o seu pedido de empréstimo aprovado.

Acima dos 35%, para além de poder ver um pedido de crédito reprovado, poderão ser valores preocupantes para a saúde financeira do seu agregado familiar.

Assim, se tiver diversos empréstimos ativos e uma taxa de esforço mensal preocupante, um crédito consolidado poderá ser algo a averiguar.

Consiga o Melhor Crédito!
Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromissos
RECOMENDADO
Simular Já

Conclusão – Crédito Imediato com Problemas Bancários

Se passa por um mau bocado em termos financeiros, mas não tem dívidas/prestações em atraso, poderá solicitar um crédito rápido a uma entidade.

Outra alternativa, se “apenas” está com dificuldades em pagar os seus créditos ativos e ainda não tem o seu nome na lista, será solicitar um crédito consolidado – permite juntar as suas prestações numa só e, ao aumentar o prazo de pagamento, irá conseguir reduzir significativamente as suas mensalidades.

No entanto, se tem o seu nome na lista negra do Banco de Portugal, adquirir crédito passa a ser uma tarefa bastante mais complicada.

Uma forma de “contornar” a situação é pedir um empréstimo a particulares. Contudo, é um método que poderá ser bastante arriscado — aconselhamos os nossos leitores a evitar seguir esse caminho. Logo, tendo o seu nome na lista, aconselhamos que experimente a primeira alternativa anteriormente descrita — Renegociação de dívidas com a sua credora.

Leia também: