Empréstimos Particulares Portugueses Que Emprestam Dinheiro

Pessoas que emprestam dinheiro

Existem particulares portugueses que emprestam dinheiro urgente, porém infelizmente muitos destes supostos créditos acabam por se tornar autênticos pesadelos para as pessoas.

Caso pretenda saber as características dos empréstimos particulares, se vale a pena o risco e se existem alternativas mais saudáveis para as suas finanças pessoais, fique connosco e leia o nosso artigo.

Pessoas Que Emprestam Dinheiro Urgente em Portugal São Confiáveis?

Particulares portugueses que emprestam dinheiro são fraude ou confiáveis?

De uma forma direta, podemos dizer que uma boa parte dos particulares portugueses que emprestam dinheiro não passam de esquemas fraudulentos. Ou seja, dificilmente irá conseguir encontrar uma oferta de empréstimo particular sério.

Normalmente são pessoas de outros países e de outras nacionalidades que simplesmente se aproveitam da fragilidade e do desespero das pessoas para conseguir ganhar algumas centenas de euros.

Contudo, existem pessoas que emprestam dinheiro urgente de forma legal e séria!

Mas antes de dizermos como evitar cair numa fraude, vamos ver se estes empréstimos particulares costumam ser de facto mais viáveis.

👉🏻 Taxas de Juro de Um Empréstimos Particular Sério

Algo que pode contar é com taxas de juro elevadas. Isto acontece por falta de garantias de cumprimento do crédito solicitado.

Porém, poderá em alguns casos encontrar taxas de juro bastante mais baixas que o resto do mercado, pelo que é preciso estar atento a possíveis fraudes.

De uma forma geral, as taxas de juro tendem a variar entre os 5% aos 15%.

Os juros não podem ser superiores à taxa legal em vigor acrescida de 3% ou 5%, consoante exista ou não garantias.

Os juros são pagos de acordo com o plano de pagamento estipulado e assinado por ambas as partes, portanto fique ciente que deve ler todo o contrato em questão.

Em suma, se a sua principal razão para seguir com um empréstimo entre particulares urgentes for as taxas de juro, então aconselhamos a solicitar crédito a uma entidade financeira autorizada pelo Banco de Portugal (Consulte a lista), pois acabam por ter taxas de juro mais interessantes.

Consiga o Melhor Crédito!
Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromissos
RECOMENDADO
Simular Já

👉🏻 Quais os Valores dos Empréstimos Particulares?

Os valores a pedir irão variar de particular a particular, porém, estes empréstimos como servem maioritariamente para “desenrasques” financeiros urgentes normalmente variam entre os 2.500 € e os 25.000 €.

Relembramos que, quanto maior for o valor, mais caro lhe irá sair o empréstimo – devido aos juros a pagar.

Logo, peça apenas o que é necessário, caso contrário irá aumentar o risco de incumprimento e criar uma situação financeira ainda mais debilitada.

👉🏻 O Que Acontece se Não Pagar o Empréstimo Particular?

Aqui tudo vai depender da maneira como fez o contrato. Caso não tenha feito nenhum tipo de contrato nem seguido o processo pela via legal será muito difícil para a pessoa provar que lhe emprestou o dinheiro.

Porém, certamente vai ter um processo contra si, pelo menos caso ela tenha comprovativos de transferências bancárias.

Caso tenha seguido os processos legais, recebido via transferência bancária e assinado um contrato legal será levado/a a tribunal, tal como qualquer outro empréstimo com um banco ou credora.

Logo, não pense que está isento/a de responsabilidades ao pedir empréstimos particulares.

Como Identificar Uma Fraude Em Empréstimos Particulares?

Agora que lhe dissemos as principais características dos empréstimos particulares, precisamos de saber como evitar cair numa fraude.

Existem sinais e pontos importantes de estarmos atentos para evitar sermos enganados.

Fique atenta/o a estes sinais:

  • Caso lhe peçam pagamentos antes de transferirem-lhe o dinheiro;
  • Cuidado redobrado com quem lhe promete taxas de juro abaixo dos 5%;
  • Não negoceie com quem não quer assinar um contrato e o levar ao notário;
  • Se pedirem para pagar o dinheiro em mão;
  • Números de telefone estrangeiros/desconhecidos;
  • Contas bancárias para as quais pedem o pagamento são estrangeiras (assim fica mais difícil denunciar a burla);
  • A escrita (quando a conversa ocorre por e-mail ou Whatsapp) é descuidada;

Caso, pense que encontrou um ou vários particulares portugueses que emprestam dinheiro de forma séria, então tenha as seguintes precauções:

  1. Pedir um documento com as condições
  • Para valores inferiores a 2.500 € o contrato não é obrigatório por lei, porém é sempre aconselhável por motivos de precaução;
  • Entre 2.500 € e 25.000 € é obrigatório a celebração de um contrato escrito e assinado por quem recebe o dinheiro;
  • Para valores superiores a 25.000 € é necessário que haja escritura pública ou documento particular autenticado.

Nesse documento terá de estar o montante financiado, a taxa de juro, o prazo de pagamento e todas as condições referentes a este crédito. Deverá estar assinado por quem empresta e por quem recebe o dinheiro, juntamente com os seus dados de identificação (Cartão de Cidadão, NIF, morada, etc).

Os contratos de mútuo encontram-se regulados nos artigos 1142º a 1151º do Código Civil.

  1. Levar o Documento ao Notário

Esse processo servirá para salvaguardar ambas as partes, por isso se o particular que lhe empresta o dinheiro não quiser este processo pode desconfiar.

Após ter o seu documento assinado por ambas as partes, deve levá-lo a um notário certificado.

  1. Transferência de Dinheiro

Agora que tem tudo assinado e ambas as partes estão salvaguardadas, já pode ter acesso ao dinheiro que pediu emprestado.

O “empresário” em questão deve transferi-lo para a sua conta após confirmar que está tudo de acordo com os termos estipulados pelo mesmo.

Aqui existem alguns esquemas em que são pedidos valores monetários para pagar os custos do empréstimo antes de realizarem a transferência.

Não pague os custos iniciais antes de receber o empréstimo

Em vez disso, afirme que pode ser descontado do valor que lhe for emprestado.

Imagine que pede um valor de 20.000 € e os custos do processo são 900 €, peça para receber apenas os 19.100 €, desse modo estará sempre seguro/a.

Exemplos de Fraude: Empréstimos Particulares OLX

O esquema é simples. A primeira coisa que fazem é publicar anúncios em websites de classificados como o OLX, Custo Justo e até mesmo no Facebook.

Após isso existem as vítimas que entram em contacto com estes supostos particulares sérios. Eles pedem documentos, algumas garantias e até podem-lhe enviar um contrato falso.

Dizem que têm tudo preparado para efetuar a transferência da quantia em questão, mas que para isso apenas precisam que sejam pagos os custos do processo, taxas e afins que, normalmente, são algumas centenas de euros.

Afirmam que após o pagamento dessas taxas é realizada a transferência e que o dinheiro está na sua conta bancária em algumas horas. Porém, isso nunca acontece e as pessoas acabam por perder algumas centenas de euros.

Alternativas aos Particulares Portugueses que Emprestam Dinheiro

Se está reticente em pedir um empréstimo particular, então saiba que existem alternativas bastante viáveis para poder obter financiamento de uma forma mais rápida, segura e barata.

  • Instituições de Crédito Credenciadas

Solicitar crédito a uma instituição financeira, seja ela um banco ou uma entidade privada, é sinonimo de um crédito mais seguro para ambas as partes.

Além disso, existem diversos tipos de crédito para diferentes tipos de necessidades, o que lhe permite obter, grande parte das vezes, taxas de juro mais baixas do que os particulares;

Falamos de crédito pessoal rápido, férias, obras, saúde, automóvel, juntar créditos, entre outros.

  • Intermediários de Crédito

Já se tem dúvidas sobre que entidade escolher ou não quer ter todo o trabalho de pedir propostas a várias instituições para descobrir a melhor, um intermediário faz esse trabalho por si, sem qualquer custo.

Realçamos apenas que, estas alternativas acabam apenas por ser viáveis caso não tenha o seu nome na Lista Negra do Banco de Portugal.

Consiga o Melhor Crédito!
Avaliação Grátis 100% Online Sem Compromissos
RECOMENDADO
Simular Já

Conclusão – Particulares Portugueses que Emprestam Dinheiro

Em suma, pedir empréstimos particulares em Portugal pode, à primeira vista, parecer uma boa solução para a falta de liquidez urgente que possamos ter, contudo, na prática, os riscos são bastante elevados para os poucos benefícios que nos podem oferecer.

Hoje em dia, e uma vez que estamos num mercado bastante competitivo, existem diversas entidades que oferecem empréstimos urgentes com taxas de juros acessíveis.

Por outro lado, se precisa de um empréstimo urgente, pedir crédito a uma entidade financeira certificada irá acabar por ser mais rápido, podendo obter o financiamento na sua conta em menos de 48 horas.

No entanto, se procura crédito com problemas bancários – tem o seu nome na lista negra do Banco de Portugal, o provável é ver os seus créditos reprovados pelas entidades.

Caso esteja nesta situação, pedir dinheiro emprestado a particulares poderá ser o único caminho a seguir. Porém, pedimos que tenha um cuidado redobrado e siga as nossas dicas para poder reduzir os riscos associados a estes créditos rápidos entre particulares.

Terminamos com a regra de ouro para identificar qualquer tipo de fraude:

Quando parecer bom de mais para ser verdade, é porque é mesmo bom de mais para ser verdade.